A beleza do desenho de piso biofílico

Existe uma misteriosa resposta intuitiva à beleza e aos prazeres da mente, do tato, do sabor, do cheiro ou da visão. A ciência diz que não simplesmente desejamos esta classe de beleza; nós a necessitamos.

Necessidade humana

Em uma era na qual gastamos a maior parte do nosso tempo “indoor”, é mais importante do que nunca cobrir esta necessidade básica do #MakeBeautyHappen no nosso ambiente.

A intuição humana, a neurociência e a investigação da construção estão convergindo para nos dizer que os espaços belamente desenhados podem tirar o melhor da gente. Então, como a beleza se torna um elemento de desenho funcional e não só um fator estético?

O lado natural do desenho

O desenho biofílico nos ajuda a unir a beleza com a funcionalidade na construção do nosso ambiente. Por exemplo, janelas bem colocadas que não só proporcionam uma vista ao exterior, mas que também permitem a entrada de uma luz mais natural e ajudam a diminuir os custos de energia.

Levando em conta o impacto positivo e mensurável do desenho biofílico nos habitantes de um edifício, é difícil ser “verde” sem beleza. Um edifício ecológico de alto rendimento deveria fazer mais do que reduzir os impactos ambientais.

diseno-de-piso-pop-entrega-rapida

A beleza pode salvar o mundo?

Um lindo desenho biofílico oferece um meio confiável de produzir diversos benefícios, tornando a beleza um dos condutores potenciais mais importantes de ROI para os proprietários de edifício.

O aumento da produtividade dos ocupantes de edifícios, cujos salários superam o custo de qualquer edifício através do tempo, justifica converter a beleza em uma prioridade de desenho.

O papel da Interface

A autora Lisa Samuels afirma que “a beleza entra no espaço artístico como uma estrutura para se imaginar continuamente o que não sabemos”. Em outras palavras, a beleza pode ser um catalizador para a criação. Na Interface acreditamos que os espaços biofílicos podem ajudar a trazer à luz, o tipo de pensamento criativo e compassivo que se necessita para resolver os maiores problemas do mundo. Chamamos a este tipo de criatividade “belo pensamento”, e acreditamos que é a chave para desbloquear a próxima onde de inovação social e ambiental. Hoje em dia, já vimos alguns resultados através de projetos de desenho de piso biofílico como Waterbank Schools e Net-Works. E esperamos que estes sejam só o começo.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Relacionados

Restauração artística

22 Maio, 2016

Em outubro passado, durante o primeiro fim de semana do Chicago Architecture Biennial, o artista e ativista social Theaster Gates, revelou o seu mais recente empreendimento: o Stony Island Arts Bank. O projeto altamente alardeado envolveu a conversão de um edifício de banco abandonado na zona sul da cidade em um local público cultural, repleto…

O carpete modular para residências de terceira idade

12 julho, 2017

No mundo, existe um grande número de pessoas que pertencem à geração pós-guerra, conhecida como baby-boomer, que nos próximos anos será maioria entre os habitantes de lares para terceira idade. Por isso, Interface projetou como deveriam ser estes lugares. Instalações adequadas às necessidades dos residentes Na Interface acreditamos que um ambiente de moradia assistida deve…